Coimbra  22 de Abril de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Sapadores recolhem bens para ajuda a cidade da Beira, em Moçambique

22 de Março 2019

A Casa Municipal da Protecção Civil de Coimbra, na avenida de Mendes Silva, está a receber, a partir de hoje, bens alimentares e de primeira necessidade para ajudar o povo moçambicano, em particular a cidade da Beira, bastante afectada pelo ciclone Idai.

A Beira é “cidade irmã” de Coimbra, pelo que a autarquia disponibiliza este apoio, contando com a ajuda dos cidadãos para a angariação de bens.

“De acordo com o comunicado da Embaixada da República de Moçambique em Lisboa, e tendo em conta as necessidades imediatas determinadas pelo Governo Moçambicano, os donativos podem consistir em: produtos alimentares enlatados, com período de validade prolongado; produtos para o tratamento de água; produtos de higiene e limpeza”, refere a Câmara Municipal.

Também os CTT – Correios de Portugal, numa parceria com os Correios de Moçambique, estão a angariar bens a nível nacional, numa campanha (“Feito de Esperança”) que vai arrancar na próxima segunda-feira (25).

A acção centra-se na recolha de roupas nas lojas CTT, através de embalagens solidárias, para que os portugueses possam ajudar as milhares de pessoas afectadas pelo ciclone e que provocou uma verdadeira tragédia em Moçambique.

Para ajudar, basta deslocar-se a uma das 538 lojas CTT de todo o país, pedir uma embalagem solidária e colocar o donativo (roupas), sendo que o envio é feito pelos Correios de forma totalmente gratuita.

A recolha irá decorrer entre 25 de Março e 08 de Abril.