Coimbra  20 de Junho de 2018 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Mário Carvalho

Estacionamento pago na beira-rio: Obviamente, discordo

10 de Abril 2018

Obviamente que Manuel Machado tem feito um excelente trabalho na margem esquerda (“Baixa” de Santa Clara), mas discordo de estacionamento pago na beira-rio.

A “Baixa” de Santa Clara está muito mais aprazível e houve reforço do «casamento» entre as duas margens. Longe vai o tempo em que Santa Clara era apelidada de «Japão» e demorava-se quase uma hora para atravessar a ponte.

Obviamente que MM, goste-se ou não, critique-se ou não, conseguiu resolver o imbróglio do convento de S. Francisco. Coisa que muitos opinaram, mas ninguém resolveu.

Obviamente que MM retomou a circulação rodoviária na avenida de João das Regras como era no passado e para gáudio dos santaclarenses.

Obviamente que MM levou a cabo a construção da ponte pedonal no açude-ponte e facilitou a circulação automóvel pela colocação de duas rotundas.

Obviamente que MM irá ter quota-parte de responsabilidade na reabilitação do Estádio Universitário de Coimbra e na realização da quarta edição dos Jogos Europeus Universitários. Há muito que este emblemático estádio está ao abandono e merece melhor sorte.

Obviamente que MM foi responsável pela remodelação da praça das Cortes, que, para quem é da minha geração, sempre a tinha conhecido degradada e com estacionamento selvagem, e por isso está de parabéns. E concordo que ele seja pago dentro do seu perímetro.

Mas obviamente que não concordo com estacionamento pago na avenida de Conímbriga, tal como foi avançado pelo “Campeão”. O estacionamento naquela zona sempre foi gratuito e a tradição deve ser mantida.

Acresce que o lado prático dessa gratuitidade também é bom para a «Baixa» de Coimbra, que vive momentos cada vez mais difíceis no que toca à capacidade de atrair pessoas.

Obviamente, porque sou de Santa Clara!