Coimbra  26 de Março de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

PSD encara expulsão de militantes corruptos

25 de Maio 2018

O líder do PSD confirmou, ontem (24), que a provável alteração do regulamento de disciplina do partido incluirá uma norma para expulsar eventuais militantes condenados por corrupção.
A anunciada revisão irá ser votada na próxima reunião do Conselho Nacional do Partido Social-Democrata (órgão máximo entre congressos).
Rui Rio indicou tratar-se de “apenas uma de muitas normas” a alterar com o objectivo de conferir “mais transparência” ao PSD.
“Alguém com uma decisão definitiva de condenação por corrupção, particularmente ao serviço público e do partido – porque foi eleito ou indicado pelo partido –, será expulso ao abrigo do regulamento disciplinar revisto”, afirmou o ex-presidente da Câmara Municipal do Porto.
“Aquilo que são os regulamentos a submeter ao Conselho Nacional têm a ver com o que fui dizendo na campanha interna: procurar dar mais transparência e mais eficácia à vida do PSD”, indicou Rui Rio.
O líder social-democrata adiantou que irão ser propostas medidas destinadas a impedir o “pagamento de quotas por atacado”, ofensivo dos “princípios democráticos”, e outras para ultrapassar o que chamou de “vetos de gaveta” à admissão de novos militantes.