Coimbra  17 de Dezembro de 2018 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Poiartes afirma-se como “evento de referência na região”

6 de Setembro 2018

Vila Nova de Poiares está de “portas abertas”, nos próximos quatro dias para receber os milhares de visitantes que, todos os anos, se deslocam ao concelho para um dos seus maiores eventos: a Poiartes.

A 29.ª edição do certame, que vai decorrer entre hoje e segunda-feira (10), volta a juntar o que de melhor o concelho tem e produz, desde logo com a gastronomia e a caprinicultura, sem esquecer o artesanato e a animação, com talentos locais e nacionais, que ajudam a conquistar cada vez mais público.

Este certame, que a autarquia considera como sendo já “de referência no concelho e na região”, ajuda a promover a Vila e o que esta tem de melhor. Com os títulos de ‘Capital Universal da Chanfana’ e de ‘Capital Nacional do Artesanato e Gastronomia’, Vila Nova de Poiares vê no Poiartes um momento em que se “envolvem todas as forças vivas locais porque todos têm consciência de que este é o momento em que mais gente visita o concelho e em que todos querem evidenciar o que de melhor Poiares tem para mostrar ao exterior em todas as áreas de actividade”, realça João Miguel Henriques, presidente da Câmara Municipal, entidade que organiza o evento.

A Poiartes é a grande montra das actividades agrícolas, comerciais, industriais e de caprinicultura da Vila, agregando cerca de duas centenas de expositores das mais variadas áreas de actividade.

Para o autarca, o certame “congrega o maior investimento a todos os níveis, quer em termos financeiros, quer a nível dos recursos que são disponibilizados para a sua realização, e é também aquele que mais congrega os parceiros locais”.

Nesse campo, estão presentes as associações e colectividades do concelho, que procuram dar a conhecer o seu trabalho e angariar fundos para desenvolverem a sua missão no resto do ano.

Na gastronomia, no artesanato e na mostra de caprinicultura também não faltam produtores e empresários que veem na Poiartes uma oportunidade de se mostrarem aos milhares de visitantes.

Os sabores tradicionais estarão a cargo das várias tasquinhas e restaurantes locais, onde a chanfana será a “rainha” das mesas. Além disso, os visitantes poderão apreciar os produtos “Poiares Capriland” como o leite e o queijo de cabra, a par dos produtos biológicos dos pequenos produtores. O arroz de bucho, os negalhos e os grelhados serão outros dos pratos presentes nos menus, sem esquecer a sobremesa com os famosos ‘Poiaritos’, inspirados nos doces conventuais.

Quanto ao artesanato, destacam-se as artes de trabalhar o barro preto, os palitos em flor e a bela tapeçaria ou cestaria, produtos que se poderão ver a ser criados ao vivo, com a presença dos artesãos.

A alameda de Santo André volta a ser o epicentro da Poiartes, numa edição que se espera de grande sucesso, à semelhança do que se tem registado em anos anteriores.

Uma festa para as famílias

A Poiartes é, simultaneamente, uma festa para toda a família, com actividades para miúdos e graúdos, num espaço aprazível e que apela ao convívio.

Além da gastronomia, que tem o poder de juntar as pessoas, também a música é uma componente importante na atracção de visitantes. Este ano, além dos vários talentos locais, são esperadas actuações de artistas de renome nacional: HMB, Aurea, Isabel Figueira, Fernando Daniel e Secret Chord.

A feira conta com dois palcos: o ‘Poiartes’, para os artistas nacionais, e o ‘Encostazeite’, destinado aos grupos e associações do concelho. Nos cinco dias em que decorrerá a feira, actuam: a banda Polk, Secret Chord, Trust in Heaven e DJ Fábio D (hoje); a Companhia de Teatro Experimental de Poiares, com “Uma breve história da Carocinha”, a banda ‘Ús Sai de Gatas’, HMB, 80´s Trópico Session e, também, animação de rua com o artista Pedro Tochas (amanhã); Encontro de Bandas Filarmónicas, com três grupos, o grupo de Cante Alentejano “Os Amigos do Rosário”, seguido por momentos musicais da Canção de Coimbra – com António Ataíde, Guitarra de Coimbra (Bruno Costa) e Guitarra Clássica (Nuno Botelho), além de Aurea, DJ Isabel Figueira e DJ Alex G (sábado). No último dia (domingo), a tarde será da responsabilidade do programa da TVI “Somos Portugal” e à noite realiza-se o concerto final do Estágio de Orquestra de Sopros e Percussão, terminando com o espectáculo de Fernando Daniel e DJ Madness Boys. Os concertos dos artistas nacionais têm todos início marcado para as 22h00.

Ainda no domingo (09), terá lugar o habitual ‘Passeio de Motas e Motorizadas Antigas – Rota da Chanfana’ (10h00), bem como uma mega aula de zumba (11h00).

Pela Alameda, e durante todos os dias do certame, vão passar vários grupos de animação de rua, com especial destaque para o espectáculo “Nariz Preto”, de Pedro Tochas, e para os mais pequenos haverá insufláveis, carrosséis e outros divertimentos.

O programa tem início hoje, pelas 18h00, com a inauguração do certame, sendo que as portas da Poiartes abrem todos os dias às 11h00 e encerram entre as 03h00 e as 05h00.

“Temos um programa recheado com atractivos e divertimentos para todos os públicos. A nossa intenção é que toda a família se divirta quando visita a Poiartes”, conclui João Miguel Henriques.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com