Coimbra  26 de Setembro de 2018 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Miranda do Corvo: Templo Ecuménico assinalou 2.º aniversário

11 de Setembro 2018

O segundo aniversário do Templo Ecuménico Universalista, em Miranda do Corvo, foi assinalado com uma largada de pombas, efectuada por quase meio centena de crianças da Fundação ADFP.

As aves pertencem à secção columbófila do Parque Biológico da Serra da Lousã e a iniciativa do 11 de Setembro constituiu “uma mensagem de paz ao mundo, pelas mãos das crianças”, refere a ADFP.

De acordo com a instituição, “foi explicado às crianças a simbologia do projecto e o significado da data, uma homenagem às vítimas do fundamentalismo religioso, e a ligação ao atentado terrorista feito com dois aviões, lançados contra as torres gémeas, em Nova York, a 11 de Setembro de 2001”.

O Templo Ecuménico Universalista foi inaugurado em 2016, na presença dos então ministro-adjunto Eduardo Cabrita, e de Catarina Marcelino, secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade.

Desde a sua abertura ao público, em Maio de 2017, o Templo já recebeu 10 430 visitantes e o edifício piramidal tem na sua envolvência estruturas simbólicas, representativas de várias religiões, e no seu interior o Observatório das Religiões.

Situa-se no topo da colina do Parque Biológico da Serra da Lousã, com vistas para os concelhos circundantes de Lousã, Vila Nova de Poiares, Penela e Coimbra, tendo uma pirâmide com a altura de 13,40 metros, igual à dimensão do Templo de Salomão, construído no séc. XI AC, em Jerusalém.

O Templo está aberto todos os dias, excepto à segunda-feira, entre as 10h00 e as 17h30, com fecho de uma hora para almoço. Na bilheteira é possível adquirir ingressos de entrada, ou pacotes de visita, que integram o Parque Biológico da Serra da Lousã e até refeições no restaurante Museu da Chanfana.

O sistema de bilheteira funciona em estreita articulação com o Parque Biológico, na medida em que o Templo pertence ao conjunto filosófico e turístico Trivium, dedicado à liberdade, igualdade e fraternidade.