Coimbra  24 de Março de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Guarda suspeito de infligir abuso sexual em Celorico da Beira

27 de Fevereiro 2019

Uma mulher detida, domingo (24), pela PJ, queixou-se de ter sido vítima de abuso sexual num posto da GNR, em Celorico da Beira, alegadamente infligido por um militar.

O indivíduo veio a ser detido, também, foi sujeito a termo de identidade e residência, a título de medida de coacção, e submetido a procedimento disciplinar, havendo sido transferido, cautelarmente, para outra subunidade do Comando Territorial da Guarda da GNR.

O suspeito, que terá alegado tratar-se de práticas sexuais consentidas pela queixosa, cometeu violação do dever de protecção da arguida, cuja guarda a PJ confiara a outro órgão de polícia criminal.

A 24 de Fevereiro, o Departamento de Investigação Criminal da Polícia Judiciária da Guarda entregou uma mulher, 45 anos de idade, sob detenção, no posto de Celorico da Beira da GNR, no intuito de a mesma ali permanecer provisoriamente.

No dia seguinte, a detida apresentou queixa-crime por, alegadamente, haver sido vítima de abuso sexual praticado por um militar da Guarda.