Coimbra  25 de Junho de 2018 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Condeixa recria vida romana em Conímbriga com 450 actores e figurantes

14 de Junho 2018

Cerca de 450 actores e figurantes participam no fim-de-semana no evento “Condeixa – O vislumbre de um império”, que recria a vida romana nas ruínas de Conímbriga, um dos maiores sítios arqueológicos do país.

A iniciativa, que vai para a 5.ª edição, engloba espectáculos teatrais, acampamento de legionários, quinta de animais, gladiadores, artesãos e visitas guiadas às ruínas de Conímbriga, situadas no concelho de Condeixa-a-Nova.

“Temos apostado na vertente cultural e turística, assente num património único que nos distingue, como factor de desenvolvimento económico e social”, disse o presidente do Município Nuno Moita, na apresentação do evento.

Entre as novidades desta edição, destaca-se o acampamento dos legionários durante os dois dias, a existência de um tear romano de pesos, a cunhagem de moeda, a existência de dois cortejos no domingo e o alargamento das visitas guiadas com animação de um para os dois dias.

Com entrada gratuita, as várias iniciativas do evento decorrem em vários espaços das ruínas romanas, que estão classificadas como monumento nacional, desde a Casa dos Repuxos, o Fórum e a Praça da Alimentação, onde nove associações do concelho exploram tasquinhas com comida e bebida da época romana.

“Um dos objectivos era o envolvimento das pessoas e das associações do concelho para que o evento crie uma dinâmica própria e isso está conseguido”, salientou Nuno Moita.

Segundo o autarca, o maior objectivo passa por “valorizar um património único e criar um evento que seja um factor distintivo no panorama regional e nacional, que promova o concelho e este complexo de ruínas romanas”, que anualmente recebe cerca de 90 000 visitantes.

Em 2017, “Condeixa – O vislumbre de um império” recebeu 8 000 visitantes, número que o autarca pretende ver aumentado nesta edição para os 10 000.

A edição deste ano tem como tema a recriação da elevação de Conímbriga a município, ocorrida no ano 73 depois de Cristo, quando Vespasiano era imperador de Roma e lhe concedeu direitos políticos.

O evento tem início no sábado (dia 16) às 18h00, com a abertura da praça da alimentação e jogos para as famílias, e encerra no domingo (dia 17) às 20h00, junto às ruínas do Fórum, com o espectáculo “Munera Gladiatoria”, celebrando a elevação de Conímbriga a município.