Coimbra  23 de Maio de 2018 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Coimbra: Sábado com mais de 1 100 remadores no Mondego

4 de Maio 2018

 

Mais de 1 100 atletas participam amanhã (sábado), na 37.ª edição da Regata Internacional Queima das Fitas, entre as pontes de Santa Clara e de Pedro e Inês, no rio Mondego, em Coimbra.

O coordenador da comissão organizadora, Ricardo Reis, sublinha a importância desta elevada participação, que confere uma “dimensão única ao evento”, sendo “a maior iniciativa desportiva da Queima das Fitas e a maior regata da Península Ibérica”.

Destaca, ainda, “o apoio e mobilização das entidades envolvidas – Comissão da Queima das Fitas e Câmara Municipal de Coimbra – e dos diversos patrocinadores, sem os quais seria impossível manter esta regata ano após ano desde a fundação da Secção de Desportos Náuticos da AAC, em 1982”.

Ricardo Reis não esquece, também, a “equipa de voluntários que trabalha há um mês para ‘montar’ este evento”, num trabalho que se “inicia em Dezembro do ano anterior com a reserva dos alojamentos necessários, já que mais de 300 camas são ocupadas com participantes estrangeiros, numa altura do ano em que a taxa de ocupação na cidade ronda os 100 por cento”.

Miguel Bernardo assume novamente a pasta de “director da regata”, articulando a comissão organizadora e as equipas logísticas com as equipas de arbitragem e cronometristas, “gerindo” uma regata de um dia com 18 clubes nacionais, 16 estrangeiros, 1 102 atletas e mais de 300 de tripulações.

A organização dispõe de nove barcos a motor, com as regatas a decorrerem em oito corredores balizados através de cabos de aço e de mais de meio milhar de bóias, que foram colocados ao longo das duas últimas semanas.

As provas decorrem entre as o9h30 e as 12h40 (remo jovem), com as eliminatórias de absolutos a decorrerem a partir das 14h30 e as respectivas finais a iniciarem-se às 16h00.

Às 17h10 terá lugar o Memorial José Matos, disputado em Shell de 08 com timoneiro, uma das provas mais espectaculares e aguardadas com muita expectativa, a encerrar um programa que tem ainda lugar para o remo adaptado.