Coimbra  20 de Abril de 2018 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Alegre e a viúva de Fausto Correia distinguidos pelo PS/Sé Nova

12 de Janeiro 2018

O poeta Manuel Alegre e a médica Lurdes Pedro, viúva de Fausto Correia, são dois dos perto de 40 militantes socialistas que irão ser homenageados, sábado (13) à tarde, pela Secção da Sé Nova do PS.
A distinção, que irá ocorrer, pelas 16h00, no café de Santa Cruz, prende-se com 25 anos de filiação ininterrupta de vários membros daquela associação cívica.
Antigo vice-presidente da Assembleia da República, Manuel Alegre, 81 anos de idade, aderiu ao Partido Socialista em Janeiro de 1974 (três meses antes de 25 de Abril), tal como Lurdes Pedro, João Rui Almeida e José Emílio Campos Coroa. João Rui foi deputado ao Parlamento e secretário de Estado; Campos Coroa presidiu à Direcção da Académica/OAF.
Teresa Alegre, ex-deputada à Assembleia da República e antiga vereadora, aderiu ao PS a 05 de Outubro de 1974.
Dois ex-presidentes da Direcção-Geral da Associação Académica de Coimbra (AAC), Luís Parreirão e Benjamim Lousada, figuram no elenco de dezenas de pessoas distinguidas pela Secção do PS/Sé Nova. Ex-governante, Luís Parreirão também foi líder distrital do PS/Coimbra.
Mário Ruivo (igualmente ex-líder distrital do partido e vogal do Conselho Directivo da Administração Regional de Saúde do Centro), Ana Leonor Pereira, Valdemar Rosas, Nelson Geada, José Luís Pio Abreu, Maria do Rosário Gama, Cristina Martins, Marcos Júlio e António Vilhena também se contam entre as pessoas homenageadas.
Nos termos da alínea i) do artigo 10º dos Estatutos do PS, é direito do militante ser distinguido com a atribuição de distintivo comemorativo de 25 e 50 anos de filiação ininterrupta.
Trata-se do último acto do Secretariado cessante do PS/Sé Nova, liderado por Marcos Júlio, cuja sucessão irá ser disputada por Armando Agria e Daniel Antão.