Coimbra  17 de Novembro de 2017 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

De cócoras…

20 de Fevereiro 2017

Na paragem da rua de Angola mais próxima do viaduto de S. José, os utentes dos SMTUC têm de sentar-se… de cócoras.

De resto, os passageiros mais idosos dos Transportes Urbanos de Coimbra não podem aspirar a esperar sentados. De tão baixo que se encontra o banco, não é fácil alcançá-lo, sendo ainda mais difícil para um(a) idoso(a) erguer-se caso tenha tido engenho e arte para poisar as nádegas.

É desejável que os SMTUC acrescentem 25 centímetros aos 30 que separam o banco do solo.

O palmo em falta é eminentemente simbólico da tacanhez com que os Serviços Municipalizados insistem na indiferença em relação à caricata incapacidade de bem servir.